x
Novidades

Fique por dentro dos principais conteúdos, notícias e novidades.



Cuidando bem da sua saúde digestiva

A  Organização Mundial de Gastroenterologia alerta sobre a importância do diagnóstico correto e precoce no tratamento das doenças do aparelho digestivo, que é o responsável pela ingestão, digestão e absorção dos alimentos nutricionais fundamentais para o funcionamento do nosso corpo.

O QUE OCORRE COM OS ALIMENTOS APÓS ENTRAREM EM NOSSO CORPO?
O caminho da digestão inicia-se na boca, durante a mastigação, e termina no intestino, com a absorção de nutrientes fundamentais e com a eliminação das fezes. O processo da digestão tem diversas etapas e vai desde a boca, passando pela faringe, esôfago, estômago, intestino delgado e terminando no intestino grosso. Quando algo não vai bem nesse processo, podem ocorrer sintomas como azia, má digestão, prisão de ventre, diarreia, refluxo, dor de estômago. Em casos mais comuns, os sintomas se devem à inflamação do estômago, conhecida como gastrite. Mas podem ser sinais de distúrbios mais graves como úlceras e até mesmo câncer.

FATORES DE RISCO E PREVENÇÃO
Excesso de peso, maus hábitos alimentares, consumo exagerado de bebidas alcóolicas, tabagismo e histórico familiar são alguns dos fatores de risco para doenças no sistema digestivo. Manter hábitos saudáveis é importante para a prevenção de doenças, por isso, confira nossas dicas a seguir:

  • Beba, no mínimo, 2 litros de água por dia.
  • Aumente o consumo de vegetais, frutas, grãos e sementes. Evite alimentos gordurosos e excesso de carboidratos, dando preferência aos carboidratos integrais.
  • Mastigue bem os alimentos.
  • Evite ingerir líquidos durante as refeições.
  • Cuidado com excessos de café, refrigerantes e bebidas alcoólicas.
  • Procure controlar o estresse, ele afeta diretamente o funcionamento do sistema digestivo.
  • Pratique atividades físicas regularmente.
  • Incorpore probióticos na sua dieta.

Sempre que perceber desconfortos ligados à digestão, como dores, enjoos, inchaços, queimação, diarreia ou gases em excesso, é importante observá-los e, caso persistam, procurar orientação médica.

Fonte: Ministério da Saúde | Instituto de Oncologia | Hospital 9 de Julho
________________________________________________________________________________________________

A União Química possui, em seu portfólio, produtos que auxiliam na restauração e equilíbrio da flora intestinal e que contribuem para os cuidados com a saúde digestiva, confira mais informações em www.leiba.com.br



Ir para o topo