x
Novidades

Fique por dentro dos principais conteúdos, notícias e novidades.



Tipos de vitaminas: saiba quais são e para que servem

O organismo humano depende de minerais e de todos os tipos de vitaminas e demais nutrientes para que funcione plenamente. No entanto, quando olhamos de forma minuciosa para asO organismo humano depende de minerais e de todos os tipos de vitaminas e demais nutrientes para que funcione plenamente.

No entanto, quando olhamos de forma minuciosa para as vitaminas, percebemos que elas são responsáveis por diversas funções.

Logo, quando há alguma carência, o nosso organismo acaba sentindo os reflexos, como modificações na pele, problemas relacionados à visão, crescimento comprometido etc. 

Uma alternativa para evitar o desenvolvimento de problemas advindos pela carência nutricional é conhecer os tipos de vitaminas, bem como para que servem. 

Dessa forma, ficará mais fácil saber os melhores alimentos para obtenção das vitaminas conversando com seu nutricionista ou utilizando suplementos para os ajustes necessários.

Quer aprender mais sobre o assunto? Então, continue conosco e boa leitura!

O que são vitaminas e porque elas são tão importantes?

Quimicamente, as vitaminas são moléculas que o nosso corpo conquista, em sua maioria, por meio da alimentação. 

Algumas, por sua vez, como a vitamina C, não são produzidas pelo próprio organismo, como você verá nos próximos tópicos. 

Um ponto que merece destaque, na verdade, diz respeito às necessidades nutricionais das vitaminas. 

Isso porque, algumas pessoas acreditam que quanto mais tomarem, melhor. Porém, isso é um mito e, inclusive, pode prejudicar a saúde. 

Afinal, assim como a falta (hipovitaminose), o excesso (hipervitaminose) também é um fator que pode contribuir para a instalação de quadros prejudiciais à saúde.

Na dose certa, as vitaminas contribuem para que o organismo seja capaz de desempenhar suas atividades de forma adequada.

O que são as Vitaminas lipossolúveis?

As vitaminas classificadas como lipossolúveis são aquelas que dependem da ingestão conjunta de gorduras para serem absorvidas. 

São 4: as vitaminas A, D, E e K. Seu armazenamento se dá no fígado e no próprio tecido adiposo.

Aqui, é importante ressaltar que uma dieta pobre em gordura acaba prejudicando a absorção das vitaminas lipossolúveis. 

Quais são as Vitaminas hidrossolúveis?

As vitaminas hidrossolúveis, por sua vez, são aquelas que se dissolvem em água. Elas incluem as vitaminas do complexo B e a vitamina C. 

Por conta de sua metabolização ser mais simplificada, são excretadas do organismo de forma mais rápida do que as lipossolúveis. 

Tipos de vitaminas: quais são e suas funções

Agora que você já sabe o que são vitaminas, bem como sua importância para o corpo humano, chegou o momento de aprofundar os seus conhecimentos e descobrir os tipos de vitaminas.

Vale ressaltar que cada tipo possui características singulares. Logo, seu excesso ou sua escassez acabam se tornando bem específicos, como você verá a seguir. 

Para te ajudar a entender melhor, elencamos os tipos de vitaminas, bem como suas principais funções e em quais fontes podem ser encontradas. 

Acompanhe!

Vitamina C

Vitamina A

A vitamina A (retinol) é fundamental para que o ser humano consiga crescer e se desenvolver de forma adequada. 

Além disso, desempenha importante papel no sistema imunológico e atua na visão, prevenindo seu comprometimento. 

Inclusive, a vitamina A é importante para manter as mucosas saudáveis e, assim, funciona como uma poderosa barreira contra infecções de agentes oportunistas. 

Na literatura, conseguimos encontrar alguns estudos que comprovam os efeitos antioxidantes da vitamina A e seu poder para retardar o envelhecimento, já que atua combatendo os radicais livres.

As principais fontes de vitamina A são:

  • fígado;
  • leite e derivados;
  • gema de ovo.

Nos vegetais, a forma encontrada da vitamina A é o carotenóide, um precursor da vitamina. No organismo, por sua vez, ele é convertido na vitamina A.

Os vegetais de cor amarela, laranja e verde-escuro, geralmente, são aqueles em que esse precursor mais é encontrado.

Por isso, priorize manga, caju, goiaba, cenoura, espinafre, couve, abóbora, mamão etc. 

Vitaminas do complexo B

As vitaminas do complexo B são fundamentais para o bom funcionamento metabólico do nosso organismo. 

Ou seja, estão ligadas ao metabolismo de nutrientes importantes, os chamados macronutrientes: carboidratos, proteínas e lipídios. 

Como são vitaminas hidrossolúveis, o nosso corpo não consegue fazer o devido armazenamento. Dessa forma, precisam ser repostas diariamente.

Suas principais funções estão ligadas diretamente ao desenvolvimento do sistema imunológico, ao crescimento e desenvolvimento, energia etc. 

Fazem parte desse complexo as seguintes vitaminas:

  • B1 (tiamina);
  • B2 (Riboflavina);
  • B3 (Niacina);
  • B5 (Ácido Pantotênico);
  • B6 (Piridoxina);
  • B7 (Biotina);
  • B9 (Ácido Fólico);
  • B12 (Cobalamina).

Importante ressaltar que, por mais que não exista uma mais importante do que a outra, podemos dizer que, dependendo do objetivo, algumas acabam recebendo maior destaque.

A B6, por exemplo, é importante para o bom funcionamento do sistema nervoso e imunológico. 

A B12, inclusive, é uma vitamina que está ligada diretamente ao equilíbrio hormonal e, por ser encontrada apenas em produtos de origem animal, os veganos podem ter certa deficiência.

Vitamina C

Sem dúvida, a vitamina C é um dos tipos de vitaminas mais conhecidos, principalmente diante de surtos de gripe e/ou resfriados. 

Conhecida também como ácido ascórbico, a vitamina C pode ser encontrada em diferentes alimentos, sendo suas fontes primárias em frutas cítricas.

Uma de suas principais funções diz respeito à sua poderosa ação antioxidante. 

Assim, é uma forte aliada no combate ao fortalecimento do sistema imunológico e contribui para que as células se desenvolvam de forma adequada e saudável.

Além disso, outras ações são atribuídas à vitamina C, mesmo que de forma indireta, como:

  • produção de colágeno;
  • facilita a absorção de ferro proveniente da dieta;
  • combate radicais livres.

Por ser um nutriente encontrado em quantidades satisfatórias nos alimentos, sua deficiência é bastante rara. 

Seu excesso, por outro lado, pode contribuir para a formação de pedras renais.

Exposição solar para gerar vitamina D

Vitamina D

A vitamina D, classificada há pouco tempo como hormônio, possui ações múltiplas no organismo e, dessa forma, acaba contribuindo com muitas funções orgânicas, tais como:

  • saúde óssea;
  • imunidade;
  • crescimento;
  • fortalecimento muscular;
  • metabolismo;
  • regulação do magnésio.

A vitamina D, por sua vez, é um tema que ganhou muita notoriedade na mídia nos últimos anos por conta da Covid-19. 

Os precursores dela são produzidos pelo próprio organismo. Porém, a forma ativa da vitamina só é possível obter com exposição solar.

A primeira parte do processo ocorre na pele. Após isso, a molécula é ativada no fígado, a partir de um processo chamado de hidroxilação, transformando-a em 25OHD3.

No rim, ela é novamente transformada, desta vez, para seu metabólito ativo,o calcitriol. Essa é a forma ativa da vitamina D, a qual possui vários benefícios aqui já citados. 

Vitamina E

A vitamina E, também conhecida como tocoferol, desempenha um papel importante no organismo, principalmente no que  diz respeito à proteção – mais especificamente contra os ataques das chamadas espécies reativas de oxigênio.

O corpo humano não consegue sintetizar esse tipo de vitamina e, por isso, sua ingestão deve ser realizada diariamente.

Além disso, ela também é uma vitamina antioxidante e, por conta disso, evita o envelhecimento precoce das células, além de protegê-las.

Por ser um nutriente lipossolúvel, requer gorduras para ser absorvida. Porém, também pode ser encontrada em:

  • espinafre;
  • rúcula;
  • couve;
  • agrião;
  • gérmen de trigo;
  • oleaginosas.

Lembre-se: não é porque um nutriente traz benefícios que seu uso deve ser desenfreado. Afinal, seu excesso também pode causar riscos. Logo, é importante sempre ficar atento.

Vitamina K

Por último, mas não menos importante, temos a vitamina K, uma vitamina lipossolúvel que desempenha um papel extremamente importante na coagulação sanguínea. 

Sua fonte primária são os vegetais folhosos verde-escuros, como espinafre, rúcula e brócolis.

Além disso, importante comentar que existem 4 formas de vitamina K, são elas:

  • filoquinona (K1);
  • dihidrofiloquinona (dK);
  • menaquinona (K2);
  • menadiona (K3).

A K1 e a K2 são as únicas naturais. A K2 é produzida no próprio trato gastrointestinal a partir de bactérias gram-positivas.

Deficiência de vitaminas: o que pode causar e como evitar?

Mesmo sabendo que a alimentação garante a totalidade das vitaminas necessárias para um bom funcionamento do organismo, às vezes elas não são atingidas.

Isso porque, com a correria do dia a dia, recorremos ao mais prático para conseguirmos dar conta de todas as atividades, não é mesmo?

Porém, esse é um tema que merece bastante atenção, pois a deficiência de vitaminas pode resultar em problemas sérios de saúde, incluindo, por exemplo, alterações neurológicas. 

Por conta disso, é importante ter sempre uma alternativa a fim de alcançar as recomendações nutricionais diárias.

Uma das formas de chegar a esse objetivo é a suplementação. Com ela, você consegue ajustar à sua necessidade e, assim, evitar quaisquer prejuízos à saúde de forma adequada.

Aqui, na União Química, você encontra um arsenal de diferentes tipos de vitamina. Clique aqui e conheça todos os suplementos que temos disponíveis!

Suplementação para evitar deficiência

Conclusão

No conteúdo de hoje, você aprendeu quais são e as principais funções dos diferentes tipos de vitaminas.

Além disso, foi capaz de conhecer um pouco mais sobre cada um, bem como suas principais fontes. 

Ademais, pode-se perceber que a deficiência de vitaminas faz com que o organismo não consiga trabalhar de forma adequada. 

A suplementação de vitaminas, por sua vez, é uma excelente alternativa para reverter esse quadro e evitar prejuízos mais graves à saúde.

Gostou de aprender mais no conteúdo de hoje? Se sim, continue aprendendo acessando o nosso site e não perca nenhuma novidade.

 

Fontes



Ir para o topo